Flacidez: aprenda o que é e como acabar com ela!


Em uma enquete para a seção de Bem Estar do G1, mais de 96% pessoas afirmaram se incomodar com a flacidez da pele. E o pior é que isso chega a afetar parte da autoestima, fazendo com que a pessoa deixe de aproveitar momentos gostosos da vida — como ir à praia, devido à insegurança para vestir roupas de banho.

Não é à toa que quando o verão se aproxima, as clínicas estéticas ficam lotadas de pacientes realizando tratamentos. A intenção é resgatar um pouco da autoconfiança na própria aparência.

A boa notícia para isso é que existem algumas práticas fáceis de serem implementadas no dia a dia e que são capazes de evitar ou eliminar esse problema estético. Continue a leitura e descubra um pouco mais sobre a flacidez!


O que é flacidez?


A flacidez é a falta de firmeza, devido à perda do tônus muscular ou à diminuição das fibras de colágeno e elastina. Isso causa um acúmulo de pele na região, dando o aspecto de murchez ou ausência de viço. Ou seja, a pele fica sem sustento, resultando na aparência que grande parte das mulheres não gosta.


O que causa a flacidez?


Existem vários motivos para a flacidez surgir e nos incomodar. Veja os principais abaixo!

Idade

A idade é uma grande causa, pois, com o passar do tempo, o organismo diminui sua produção natural de colágeno, uma espécie de proteína necessária para a constituição do tecido conjuntivo. A partir dos 30 anos, principalmente, essa queda é gradual. É por isso que existem aquelas recomendações por idade nos cremes faciais — essas indicações são baseadas na própria biologia do organismo.

Hormônios

Hormônios são espécies de mensageiros que controlam diversas funções no organismo, como crescimento e metabolismo. Os femininos têm como efeitos colaterais o aumento da celulite, da gordura localizada e da flacidez. Por isso, mulheres costumam sofrer mais que os homens nesses aspectos.


Perda de peso rápida


O emagrecimento rápido também é motivo, já que, com o peso, perdemos também massa magra, justamente a responsável por dar sustentação. Quem está em processo de emagrecer, o recomendado é aliar dieta com musculação e tratamentos estéticos. Também é comum acontecer depois da gravidez, já que há o esticamento da pele costuma danificar algumas fibras.


Álcool e cigarro


Ambos causam o envelhecimento precoce da pele, devido à perda de músculo, de colágeno e ao aumento de radicais livres. O tabagismo também eleva as rugas, olheiras e deixa os poros mais dilatados.


Sedentarismo


O sedentarismo é outro forte responsável, já que ele colabora para o atrofiamento das fibras musculares, a diminuição do metabolismo e o aumento da gordura corporal.


Como evitar a flacidez?


Ainda que um pouco de flacidez seja esperado para todos nós, o recomendado é adotar no dia a dia práticas saudáveis, a fim de adiar ou amenizar seu surgimento. Indicamos as seguintes!


Cuidar da alimentação


A ingestão de alimentos antioxidantes é essencial para a boa nutrição celular. Nossas células necessitam de oligoelementos, aminoácidos e minerais para realizar suas funções.

Os nutrientes adequados ajudam a eliminar os radicais livres, causadores do envelhecimento precoce. Também fornecem o que as células precisam para se manterem saudáveis.

O ideal é incluir, no cardápio, vitaminas C, E, A. Você pode encontrá-las em: laranja, acerola, cenoura, castanhas, salmão, espinafre. Proteínas magras também devem ser consumidas, pois são essenciais para a formação do músculo. Carnes, peixes, ovos, cogumelos são boas opções.

Já a aveia contém fibras, sendo muito boa para o funcionamento do intestino, o que contribui para eliminar toxinas. A água também não pode ser deixada de lado, pois ajuda na hidratação da pele.


Evitar exposição ao sol em excesso


Sol em excesso acelera o envelhecimento, pois favorece o estresse oxidativo, aumentando a quantidade de radicais livres. Além disso, os raios ultravioletas podem ser nocivos à derme e à epiderme, camadas mais profundas da pele, causando a degradação do colágeno.


Praticar musculação


Quem quer diminuir a flacidez precisa se dedicar a atividades físicas, principalmente as com foco em crescimento e tonificação do músculo, como musculação. Os exercícios também favorecem a circulação sanguínea, a eliminação de gordura e de substâncias nocivas, além de distribuir melhor os nutrientes no corpo.


Usar produtos específicos


Cremes com retinol, também conhecido como vitamina A, e com ácido hialurônico são superindicados para quem deseja tratar a falta de rigidez e dar mais viço à pele. Seus nutrientes contêm moléculas capazes de atuar nas rugas e linhas de expressão. A vitamina C também é poderosa, por auxiliar no combate dos radicais livres. No rosto, o protetor solar deve ser usado todos os dias.

Cosmecêuticos genuinamente ortomoleculares são uma das melhores escolhas, pois ajudam a fazer uma limpeza orgânica, deixando as células prontas para receberem as vitaminas e oligoelementos essenciais.


Quais os tratamentos para a flacidez?


Além das práticas citadas acima, as intervenções estéticas contribuem para otimizar ainda mais a aparência e a durabilidade dos resultados. Elencamos, abaixo, as principais. Apenas se certifique, antes de iniciar o seu tratamento, que a respectiva clínica é habilitada e conta com profissionais experientes.


Drenagem linfática


A massagem com drenagem ajuda o organismo a eliminar as toxinas presentes, diminuindo a inflamação e melhorando a circulação. A consequência é a diminuição de gorduras e da retenção de líquidos, além de estimular e tonificar a musculatura.


Preenchimento


O preenchimento no rosto, com substâncias específicas, é um dos mais buscados entre as mulheres. Como o produto é aplicado diretamente na área subcutânea, o efeito tende a ser agradável e durável. Não costuma causar dor, mas deve ser realizado com um profissional capacitado para isso.


Radiofrequência


Tratamentos por radiofrequência são eficazes por emitirem correntes de alta frequência sob a área desejada, ajudando, assim, na formação de novas fibras de colágeno. É um trabalho que age diretamente tanto na flacidez quanto na gordura localizada e celulite.

As ondas emitidas pelo aparelho produzem um calor, que ajuda a contrair as fibras de colágeno, ocasionando a formação de mais colágeno. Ao usar cosmecêuticos genuinamente ortomoleculares ao longo das intervenções, os resultados são ainda mais efetivos.


A restrição, no entanto, é para grávidas e pessoas com diabetes ou hipertensão, que devem obter o aval do médico.

Infelizmente a flacidez é uma consequência natural para todos nós, já que é comum nosso organismo diminuir a produção de colágeno, com o tempo. De qualquer forma, existem boas práticas e tratamentos capazes de dar um ótimo resultado.

Gostou do artigo? Assine nossa newsletter e fique por dentro das informações mais importantes para sua beleza!

82 visualizações

Bothanica Mineral® | Av. Vereador Jose Diniz, 1370, Santo Amaro, São Paulo CEP: 04.604-001 CNPJ: 09.445.018/0001-71

Data de entrega estimada: entre 3 e 15 dias úteis (dependendo do serviço contratado)